Você sabe como funciona o aluguel por temporada?

Está cada vez mais comum o aluguel de imóveis por temporada, ou seja, por tempo limitado. É importante saber que existe diferença entre locação e hospedagem, e que a hospedagem é uma atividade proibida em condomínios.

Já a locação é uma atividade que pode acontecer, mas faz-se necessário que regras sejam estabelecidas durante a negociação para garantir a segurança tanto dos inquilinos, quanto dos outros moradores. E é importante ressaltar que antes de iniciar qualquer negociação de aluguel, a administração do condomínio deve ser informada e estar de acordo com os termos.

Deve-se avaliar também o perfil do local e dos moradores, pois há empreendimentos novos, por exemplo, que, inclusive, foram projetados para suportar esse tipo de prática, mas outros não.

Sobre isso, a gerente de marketing da administradora Lello, Angelica Arbex, afirma que “o modelo existe e está consolidado, lutar contra ele não parece ser a estratégia mais adequada. É necessário conhecer e entender como a locação de curta temporada funciona e relacionar isso à realidade e perfil de cada condomínio, e é o síndico quem melhor conhece essa realidade. Criar um conjunto de procedimento e regras a serem seguidas, aprovadas em assembleia, e compartilhadas com a comunidade fica mais fácil de construir um ambiente mais harmonioso”.

É importante salientar também que essa é uma atividade comercial, então deve-se analisar se não há desvio de funcionalidade na destinação das unidades do local.

Quanto à questão da segurança, o condomínio deve determinar juntamente com o dono do apartamento o tempo de estadia, quais áreas comuns do condomínios os inquilinos vão poder frequentar, e o restante dos moradores devem estar cientes dessas informações, já que é muito incômodo encontrar com várias pessoas diferentes em curtos períodos que não fazem parte daquela comunidade.

Fonte: https://www.sindiconet.com.br/informese/locacoes-de-curta-temporada-no-condominio-convivencia-locacao-de-curta-temporada

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *